Reunião ampliada da Fenajufe aprova calendário de mobilização

ampliada fenajufe

No último fim de semana (16 e 17), o coordenador geral do SINDJUFE-TO, Jairo Bonfim, participou da reunião ampliada da Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público da União (Fenajufe), ocorrida em Brasília/DF, onde foram debatidos temas de importância relacionada à mobilização da categoria como forma de pressão para aprovação do PLC 28/2015 e PL 7919/2014.

Delegados de todas as entidades sindicais filiadas à Fenajufe, que representam a maioria dos servidores do Poder Judiciário Federal e do Ministério Público da União, estiveram presentes à reunião.

O coordenador geral, Jairo Bonfim  avaliou como positiva a reunião e as deliberações adotadas, tendo sido estabelecido um calendário de lutas e mobilização. Em sua opinião, o SINDJUFE-TO encontra-se no caminho certo no que tange à mobilização da categoria e espera que nos próximos dias essa mobilização se fortaleça ainda mais, não só aqui no Tocantins, mas a nível nacional, o que é fundamental para tenhamos sucesso na aprovação do nosso PCCS.

Calendário aprovado:

18 a 26/5 – Rodada de assembleias gerais com indicativo de paralisações e greve da categoria.

20/5 – Caravanas a Brasília e vigília nos estados para pressão e acompanhamento na CCJ do Senado.

27/5 – mobilização/paralisação de 24 horas, com ato nacional no STF e reunião da diretoria executiva da Fenajufe com um representante de cada sindicato.

29/5 – Participação ativa na mobilização/paralisação convocada pelas Centrais e movimentos sociais contra o ajuste fiscal, o PL 4330, as MP 664 e 665, rumo à greve geral a serem realizados nos estados e DF.

02 e 03/06 – Paralisação de 48 horas.

10/06 – Data limite para ingresso na greve nacional por tempo indeterminado dos servidores e servidoras do Judiciário Federal e MPU. 

O colegiado também definiu as seguintes ações a serem implementadas pela Fenajufe e pelos sindicatos filiados:

  • Cobrar atuação efetiva do STF e PGR para instalar negociação com Dilma para fechar acordo que garanta aprovação e implementação imediata da reposição salarial.
  • Exigir aprovação na CCJ e imediato envio ao plenário do Senado para aprovação final.
  • Cobrar garantia de participação da Fenajufe na negociação entre o STF PGR e o governo, assegurando ampla transparência no processo, evitando se fatos consumados.
  • Reafirmar a competência e primazia da Fenajufe para negociar em nome toda categoria.
  • Trabalhar para o acordo orçamentário urgente.
  • Luta unificada com os SPF por data base, negociação coletiva, licença classista remunerada, PL 5338/09, PEC 555 entre outros pontos da pauta geral, assegurando de forma prioritária a defesa do PLC 28 (Judiciário)  e PL 7919 (MPU) que são os índices específicos da categoria.
  • Reafirmar a unificação da categoria contra a fragmentação através das  carreiras exclusivas, GRAEL, CJs, etc
  • Repúdio à campanha da Anata pelo #DeixaVetar

Este sindicato, em atenção ao que foi estabelecido na reunião ampliada, realizará assembleia geral extraordinária amanhã (19) para deliberar sobre indicativo de greve e enviará dois representantes para a reunião da CCJ que ocorrerá na próxima quarta-feira (20).

Fonte: Fenajufe

Foto: Jairo Bonfim

_______

SINDJUFE-TO

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *